Yoo Young-chul

Yoo Young-chul é um serial killer sul-coreano e confesso canibal. Como criança, Young-chul era um mutilador de cães e foi condenado por isso, mais logo saiu por ser menor de idade na época. Ele era um inesperado bebê indesejado, que viveu na pobreza, com seu pai, um veterano da Guerra do Vietnã. Entre 2003 e 2004, Young-chul assassinou 21 pessoas, a maioria prostitutas e velhos ricos. Ele agredia as vítimas e matava com um martelo. Young-chul, então, decapitava a pessoa e despejava sua cabeça em um canteiro de obras. Ele mutilou pelo menos 11 de suas vítimas e comeu sua carne e fígado crus. Atos de Young-chul foram considerados os piores assassinatos em série da história da Coreia.
Quando lhe pediram para explicar seus motivos, Young-chul disse na frente de uma câmera de TV “As mulheres não devem ser putas, e os ricos devem saber o que eles fizeram.” Young-chul foi condenado à morte em 19 de junho de 2005, pelo Supremo Tribunal Federal e permanece no corredor da morte na Coreia do Sul.
Compartilhar Google Plus

Autor sadSushi

    Blogger Comentario
    Facebook Comentario

0 comentários:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial