Arcanjo Miguel


Dos sete poderosos Arcanjos, Mensageiros de Deus, o Arcanjo Miguel - o Senhor dos Anjos – é o mais conhecido. Ele é o Arcanjo Miguel da fé, da proteção e da libertação do mal. Está na Terra desde a sua formação e desde os Planos Sutis, presta inestimáveis serviços à humanidade, mantendo incansavelmente a iluminação da Força da Fé Iluminada.

Os apelos infindáveis que Lhe têm sido dirigidos pelos seres humanos, e as Suas prontas respostas, contribuíram para que Ele se aproximasse mais da Terra.O Príncipe Miguel ouve as súplicas dascriaturas que se queixam de suas dores tanto morais, quanto físicas. Bem no início, quando os homens encarnaram aqui, Ele resolveu vir, espontaneamente, e ser o guardião da fé. Acompanhado de Suas Cortes Celestiais desceu à Terra, a fim de atender a todos aqueles que desejassem o Seu auxílio. O Templo do Príncipe Miguel no plano etérico está situado sobre as Montanhas Rochosas, no Canadá e por longo tempo ali existiu. Inicialmente foi talhado na própria montanha, para depois ser construído no mesmo local, no plano etérico.

Neste Templo, durante o período das três primeiras Raças-Raízes, época das civilizações mais adiantadas da Terra, os seres humanos eram instruídos na arte de Precipitação, Levitação e Eterização. Séculos mais tarde, quando os seus seguidores vieram de outras estrelas e trouxeram trevas e desarmonias, o Príncipe Miguel e sua Corte de Anjos retiraram-se cada vez mais da Terra para o seu Santuário da Fé, o qual foi construído com a substância da Terra.


DECRETOS

1. Renuncio a quaisquer expectativas relativas à minha evolução e progresso espiritual. Vivo no momento em cada dia, concentrando-me no objetivo de restabelecer a harmonia e o equilíbrio do meu corpo, do meu espírito, das minhas emoções e do todo com o meu Eu Superior.

2. Anulo todos os acordos feitos com a minha mãe, pai, filhos, enteados, marido (ou mulher), ex-mulher (ou ex-marido) ou quaisquer outras pessoas que me possam reter na terceira dimensão.

3. Renuncio a todos os conceitos inválidos sobre o meu valor, a minha percepção do amor, da alegria, da paz, da segurança, da harmonia, da abundância, da criatividade, da vitalidade, da juventude, da saúde e do bem-estar, da velhice e da morte.

4. Renuncio à necessidade de querer salvar o mundo ou qualquer ser humano que nele se encontra. Tenho consciência de que a minha missão é aceitar a minha mestria e viver sendo um exemplo de vida e de amor sem esperar nada em troca de ninguém.

5. Liberto-me de todos os preconceitos e memórias celulares quanto ao meu corpo físico. Reivindico o meu direito divino à beleza, vitalidade, saúde e bem-estar, consciente de que são o meu estado natural e que basta seguir os impulsos do espírito para que essa perfeição se manifeste.

6. Renuncio a quaisquer expectativas quanto à minha criatividade e ao meu trabalho. Trabalho e crio por prazer, ciente que a abundância e os recursos provêm do Espírito e da minha autoconfiança e não apenas do meu esforço.

7. Renuncio a quaisquer condições da terceira dimensão que as instituições governamentais ou afins me queiram impor. Não poderão controlar a minha pessoa, nem a minha abundância ou segurança. Tenho plenos poderes para manifestar a segurança, ser independente e comandar o meu próprio destino.

8. Liberto-me de todos os resíduos e dívidas cármicas, bem como das energias impróprias existentes em mim e no meu corpo físico, emocional e astral. Resolvo todos os condicionamentos com agrado e desembaraço para expandir a luz e me unir aos co-criadores do Paraíso na Terra.

9. Liberto-me de todos as concepções falsas sobre a minha capacidade de alcançar o conhecimento, a sabedoria e as informações pertinentes provenientes do Espírito e das dimensões superiores. Obtenho assim novos conhecimentos, conceitos e sabedoria que me permitem aprender, crescer e servir de exemplo vivo.

10. Renuncio a qualquer juízo, idéia pré-concebida ou expectativa relativamente a outros seres, sabendo que estes se encontram no seu perfeito lugar e evolução. Transmito-lhes Amor e encorajamento e limito-me a oferecer-lhes informações quando mas pedirem, tendo o cuidado de lembrar-lhes que a minha verdade pode não ser a deles
Compartilhar Google Plus

Autor sadSushi

    Blogger Comentario
    Facebook Comentario

0 comentários:

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial